Entre em contato conosco através do WhatsApp

Nasa Business Style - Avenida 136, número 761, Sala B45, 4 andar / Setor Sul / Goiânia - GO / CEP: 74093-250

Entre em contato (62) 3998 1100
SAIBA MAIS !

Recebe Informações Exclusivas

Informe seus Dados para esclaremos todas as suas dúvidas!

Como as doenças vasculares podem estar diretamente ligadas ao cigarro?

Data: 26 de novembro de 2018 | Autor: Dr Charles Esteves
Cigarro afeta as varizes

t. Parar de fumar evita mais de 50 tipos de doenças, além de um envelhecimento precoce e dificuldade de circulação sanguínea, que causam as doenças vasculares.

Outro dado relevante é que o consumo de derivados do tabaco, como o cigarro, o charuto e o narguilé não prejudica só o usuário. As pessoas que estão em volta, os chamados: fumantes passivos, que não fumam mas convivem com quem fuma, podem desenvolver todas as doenças que o fumante venha ter.

O INCA, Instituto Nacional de Câncer, mostra que o tabagismo é responsável por 200 mil mortes por ano no Brasil. O que equivale a 23 pessoas por hora. O estudo ainda mostra que 25% das mortes são causadas por doenças vasculares, como a trombose por exemplo.

Doenças vasculares

As doenças vasculares são patologias relacionadas as veias. As varizes são uma delas, são veias dilatas que podem ser pequenas, médias ou grandes. Existem vários fatores de risco para o desenvolvimento e a piora das varizes. Os mais comuns são: tendência familiar, obesidade, sedentarismo, pílulas anticoncepcionais e tabagismo.

Para descobrir como estão as varizes, o exame mais utilizado é o Ultrassom com Doppler do sistema venoso dos membros inferiores. É indolor, não se utiliza contraste ou radiação, o resultado sai horas depois e é suficiente para o planejamento cirúrgico.

Caso se adeque a qualquer um dos fatores de risco, a dica é fazer um visita ao angiologista anualmente para verificar e evitar problemas maiores.

O cigarro faz mal pra quem tem varizes

Esse hábito afeta a espessura dos vasos sanguíneos, diminui a concentração de oxigênio no sangue e eleva a pressão arterial. Por isso pode causar inchaço, principalmente nos membros inferiores, além de que as substâncias do cigarro também danificam as paredes das veias. Assim, o risco de desenvolver hipertensão, trombose e mais varizes se tornam maior.

Ainda segundo o INCA, só de parar de fumar já alivia esses efeitos negativos no organismo. O risco de ter todas essas doenças causadas pelo tabaco diminuem gradativamente e o corpo se restabelece.

Se parar de fumar agora

  • após 20 minutos sua pressão sanguínea e pulsação voltam ao normal
  • após 2 horas não tem mais nicotina no seu sangue
  • após 8 horas o nível de oxigênio no sangue se normaliza
  • após 2 dias seu olfato já percebe melhor os cheiros e seu paladar readquire a capacidade de identificar sabores
  • após 3 semanas a respiração fica mais fácil e a circulação melhora
  • após 5 a 10 anos o risco de sofrer infarto será igual ao de quem nunca fumou

Hábitos saudáveis na luta contra o tabagismo

Quanto maior o tempo que a pessoa fuma, mais difícil de largar o vicio, assim ter simples hábitos saudáveis podem ajudar no abandono do cigarro. Procurar um profissional para passar pela síndrome da abstinência também é essencial. Conheça alguns hábitos que podem ajudar na sua rotina.

QUER FICAR SEMPRE INFORMADO ?
CADASTRE-SE
Traçar rota